Entidades religiosas se unem no Ato em Defesa da Vida dia 22/05

Entidades religiosas se unem no Ato em Defesa da Vida

É esperada a participação de 1.000 pessoas no evento contra o aborto

 

Sim à vida, não ao aborto. É com este objetivo que entidades religiosas promovem, no dia 22 de maio, o evento ecumênico “Ato Público em Defesa da Vida”, na Praça Sarita Baracat, região central de Várzea Grande. Das 8h às 11h, devem circular pelo local cerca de 1.000 pessoas entre espíritas, católicos, evangélicos e simpatizantes da causa.

Organizado pelo Grupo Fraterno (GF) – que reúne casas espíritas de Cuiabá e Várzea Grande -, o Ato em Defesa da Vida tem o apoio do Movimento Nacional da Cidadania pela Vida Brasil Sem Aborto.

O presidente do GF, Márcio Monteiro, lembra que o evento ecumênico também quer despertar na sociedade a necessidade da aprovação do Estatuto do Nascituro. “Precisamos chamar a atenção da comunidade e dos poderes constituídos para os fatos que atentam contra a vida, esclarecendo-os à luz dos princípios morais e cristãos”.

PROGRAMAÇÃO – A programação do Ato Público em Defesa da Vida prevê, entre outras atividades, roda de conversa com autoridades religiosas, estandes educativos e distribuição de mensagens voltadas à temática de preservação da vida humana.

O QUÊ – Ato Público em Defesa da Vida – Evento ecumênico

QUEM – Grupo Fraterno – casas espíritas de Cuiabá e Várzea Grande

QUANDO – Dia 22/05 – 8h às 11h

ONDE – Praça Sarita Baracat (antiga Praça Aquidaban) – Avenida Couto Magalhães, Várzea Grande

INFORMAÇÕES: Ellen Rúbia (65 9 9699-5519) / Gemima Almeida (65 9 9962-5975) / Keila Simi (65 9607-3387)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.